terça-feira, 18 de outubro de 2016

Método Montessori: Como funciona?

Minha gente, depois que viramos mães descobrimos tantas e tantas coisas que existem por ai para ajudar na educação dos filhos, a internet é poderosa e sempre traz muitas informações. E o assunto escolhido dessa vez foi o método Montessori.

Guia Infantil
Já tinha ouvido falar várias vezes, principalmente quando estava montando o quartinho da Nicole. Mas não tinha muito interesse em procurar saber o que era, até uma amiga comentar comigo alguns princípios que levaram ela a escolher esse método para ajudar na educação da filha.


O Método Montessori foi desenvolvido em 1907 por Maria Montessori, foi a primeira mulher italiana a ter um diploma em medicina. Além de ser médica, ela era educadora e o seu método propõe a criação de ambientes de aprendizado criativo. De acordo com Maria, o centro de aprendizagem é a própria criança. Pois as crianças tem capacidades incríveis através da sua curiosidade natural, de expandir a necessidade de aprender se tiver a seu alcance um ambiente criativo e estimulante e se forem estimuladas corretamente também pelos adultos.

Hoje em dia a sua filosofia é utilizada por muitos professores, educadores e até mesmo por pais que pretendem estar presentes na vida do filho e que buscam o entendimento para cada fase do desenvolvimento infantil.

Existem alguns princípios levados em consideração no Método Montessori:

Ambiente: ter um ambiente arrumado, dividido por seções como - livros, jogos, bonecas, carrinhos, etc. tudo bem separadinho e que consiga se facilmente identificado.
É importante que os pais deixem a criança livre para fazer a escolha de qual brinquedo ela irá brincar e ensinar arrumar tudo e guardar após a brincadeira também é muito importante.

Liberdade de Escolha: a criadora do método acreditava que a liberdade de escolha foi o processo mental mais importante na vida do ser humano e isso envolver as crianças, elas aprendem muito mais e retém muito mais informações se são deixadas livres para escolher o que querem pra si. Isso não significa que podem fazer o que quiserem, deve haver regras e uma condução que leva a criança a escolher a coisa certa, essa liberdade acaba sendo importante para a criança aprender a satisfazer as suas necessidades com o que é certo e prosseguir com novos progressos em sua vida.

Atividades práticas: são atividades que ajudam a estimular os 5 sentidos da criança o que são essenciais para o aprendizado de concentração, independência e ordem. Tarefas domésticas por exemplo, são grandes aliados na hora da aprendizagem. Ajudar na arrumação e limpeza da casa, cuidar de plantinhas e animais ou até mesmo cozinhar com supervisão entra no quesito de atividades práticas para o aprendizado.

Recompensas: muitos pais gostam de recompensar a criança com alguma coisa, ou punir devido algo que esta errado. Maria acreditava que a melhor recompensa que uma criança pode ter é conseguir fazer algo novo, ou conseguir fazer o certo naquilo que antes ela estava errando. Graças a sua força de vontade, o prêmio é sua própria conquista.

Respeito: Ter respeito por si mesmo e por outras pessoas, além do ambiente são coisas essenciais no método Montessori. Ter respeito pelo o que outras pessoas fazem e até mesmo pelo trabalho de outras pessoas é cultivado e demonstrado desde o começo. Desde cedo a criança aprende a cuidar do que é seu e também a dividir e aguardar caso o que ela quer usar esteja sendo utilizado por outra pessoa. É treinado a paciência e a atenção, assim desenvolvendo o visual.

Durante todo o processo de aprendizado, Maria desenvolveu as 5 grandes lições. Assim a criança poderia ter a visão do Todo. O conceito que pode ser trabalhado com qualquer idade, conforme a criança vai crescendo e evoluindo o grau de complexidade vai aumentando, com o tempo a criança vai entender qual é o propósito do método.

As 5 grandes lições:

- O início do Universo e da Terra
- O início da Vida
- O início da Humanidade
- A história dos números
- A história do alfabeto

Começar o Método Montessori requer bastante pesquisa e cuidado, mas é possível começá-lo em casa, a partir do quarto da criança e seguir por outros cômodos da casa.

revistacasaejardim.globo.com
macetesdemae.com
Pinterest
Porém, antes de começar a aplicar o método, é muito importante que mudemos o nosso estado de espírito, antes de mudar o nosso olhar sobre a criança e sobre a sua educação. Por isso é de extrema importância entender bem o método que será utilizado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário