Tecnologia do Blogger.

Festa Junina - Meu filho não quer dançar!

Oi meus queridinhos!

Enfim chegou o mês de Junho e com ele vem as famosas "Festas Juninas". Para as crianças que estão na escolinha, tem as apresentações de dança da turminha na frente de todos os pais na festinha da escola.

Foto retirado do site: https://brasilescola.uol.com.br/detalhes-festa-junina/
É de costume as crianças ensaiarem por alguns meses antes da apresentação. As expectativas de todos para esses momentos são bem altas. E por isso pode acontecer de no momento da dança, a criança ter problemas para enfrentar o público e ao invés de dançar, começar a chorar.

A Psicopedagoga e analista do comportamento Michelli Freitas listou 5 dicas para os pais e filhos se divertirem sem neuras nas quermesses, confiram abaixo: 

1- Empolgação - Controle as expectativas; a festa é para a criança. “Os pais são expectadores e é do filho o papel principal. “É fundamental perguntar à criança se ela quer participar antes de tudo", comenta a psicopedagoga.  

2- Diálogo -  Nada como uma conversa franca e honesta mostrando fotos de festas juninas anteriores, e dizendo o que irá acontecer.É uma festa de alegria, e se o pequeno não se diverte, não faz sentido”, aconselha Michelli.  
 3 - Fazer parte – Outra dica é que a criança seja inserida nesta comemoração. “É importante que ele faça parte do processo, como por exemplo, escolher a roupa mais confortável. Opções e não imposições é o mais apropriado”, explica a especialista.  
4- Alternativas - Chegou a hora da apresentação e a criança não subiu ao palco. O que fazer? “Pode ser uma saída pedir à professora para entrar com ela, caso aceite esse apoio, ou também curtir na plateia e prestigiar os amiguinhos e amiguinhas da sala. 
 5 - Desencane -  Michelli Freitas aconselha os pais se libertarem das amarras do “socialmente inadequado” ou o famoso “o que os outros vão pensar de mim e do meu filho?”. A psicopedagoga finaliza: “Ser diferente é legal, é normal e está tudo bem. Se os pais passam esse valor para o filho, está criando um ser autoconfiante e maduro”, finaliza. 


Acredito que as dicas acima vão ajudar e muito as mamães e os pequenos a se divertirem demais nas festas dessa estação!

Beijinhos!
xoxo...

*Michelli Freitas é Pedagoga, Psicopedagoga Clínica e Institucional, com licenciatura em Letras, Analista do Comportamento e Mestranda em Ciências do Comportamento.  É diretora do IEAC (Instituto de Educação e Análise do Comportamento), que ministra cursos para pais, profissionais da educação e saúde. (https://ieac.net.br/blog/).


Nenhum comentário